NF-e – Proibição da NF modelo 1/1-A – AJUSTE SINIEF nº 4

05/04/2011 às 18:12 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Para quem está obrigado a emitir a NF-e, é proibido emitir a NF modelo 1/1-A

AJUSTE SINIEF 4, DE 1º DE ABRIL DE 2011

Altera o Ajuste SINIEF 07/05, que instituia Nota Fiscal Eletrônica e o Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica.O Conselho Nacional de Política Fazendária – CONFAZ – e o Secretário da Receita Federal do Brasil, na 141ª reunião ordinária do Conselho Nacional de Política Fazendária, realizada no Rio de Janeiro, RJ, no dia 1º de abril de 2011, tendo em vista o disposto no art. 199 do Código Tributário Nacional (Lei nº 5.172, de 25 de outubro de 1966), resolvem celebrar o seguinte AJUSTE

Cláusula primeira O § 3º da cláusula segunda do Ajuste SINIEF 07/05, de 30 de setembro de 2005, passa a vigorar com a seguinte redação:

"§ 3º É vedada a emissão de nota fiscal modelo 1 ou 1-A ou da Nota Fiscal de Produtor, modelo 4, por contribuinte credenciado à emissão de NF-e, exceto quando a legislação estadual assim permitir. " .

Cláusula segunda Este ajuste entra em vigor na data de sua publicação no Diário Oficial da União, produzindo efeitos a partir de1º de maio de 2011.

Presidente do CONFAZ – Nelson Henrique Barbosa Filho p/Guido Mantega; Secretário da Receita Federal do Brasil – GlaucoPeter Alvarez Guimarães p/ Carlos Alberto de Freitas Barreto; Acre -Mâncio Lima Cordeiro, Alagoas – Maurício Acioli Toledo, Amapá -Claúdio Pinho Santana, Amazonas – Thomaz Afonso Queiroz Nogueira p/ Isper Abrahim Lima, Bahia – Carlos Martins Marques deSantana, Ceará – Carlos Mauro Benevides Filho, Distrito Federal -Valdir Moysés Simão, Espírito Santo – Maurício Cézar Duque, Goiás- Simão Cirineu Dias, Maranhão – Cláudio José Trinchão Santos,Mato Grosso – Marcel Souza de Cursi p/ Edmilson José dos Santos,Mato Grosso do Sul – Mário Sérgio Maciel Lorenzetto, Minas Gerais- Leonardo Maurício Colombini Lima, Pará – José Barroso TostesNeto, Paraíba – Rubens Aquino Lins, Paraná – Luiz Carlos Hauly,Pernambuco – Paulo Henrique Saraiva Câmara, Piauí – Antônio Silvano Alencar de Almeida, Rio de Janeiro – Renato Augusto ZagalloVillela dos Santos, Rio Grande do Norte – José Airton da Silva, RioGrande do Sul – Odir Alberto Pinheiro Tonollier, Rondônia – BeneditoAntônio Alves, Roraima – Luiz Renato Maciel de Melo, Santa Catarina – Almir José Gorges p/ Ubiratan Simões Rezende, São Paulo -Andrea Sandro Calabi, Sergipe – J

http://www.spedbrasil.net/forum/topics/nfe-proibicao-da-nf-modelo

O desafio de atender o consumidor da alta renda

05/04/2011 às 17:34 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

O desafio de atender o consumidor da alta renda

por Stella Kochen Susskind

Pesquisas internacionais apontam um processo de desaceleração do consumo; um comportamento possivelmente motivado pela crise econômica vivenciada em maior escala pelos Estados Unidos e Europa. Especialistas europeus afirmam que um dos efeitos colaterais da crise diz respeito ao comportamento do consumidor, que passa a ter maior interesse por produtos menos perecíveis; com um ciclo de vida maior. De acordo com reportagem publicada pelo The New York Times, os consumidores norte-americanos estão mantendo os carros por 63,9 meses – 4,5 meses a mais do que há um ano – e estão trocando o celular, em média, a cada 18 meses.

Há uma reavaliação da real necessidade de ter constantemente “coisas novas”; surge uma mudança de valores. No Brasil – sobretudo em São Paulo – temos um cenário bem diverso e assistimos à potencialização do consumo, em especial na alta renda.

A cidade de São Paulo será, em 2025, a sexta mais rica do mundo, atrás de Tóquio, Nova York, Los Angeles, Londres e Chicago, à frente de Paris. Hoje, ocupando a 10º posição nesse ranking, a cidade se consolidou como a mais promissora da América Latina quando o assunto é consumo de luxo.

Exigente e ávida por produtos e serviços exclusivos, a classe A paulistana se seduz com marcas internacionais que são sinônimo de luxo, glamour e status. Uma pesquisa que está sendo concluída pela Shopper Experience mostra que o paulistano com alto poder aquisitivo concorda em pagar mais por produtos com o binômio qualidade-grife. Detectamos, também, que a alta renda aspira uma relação mais estreita com as marcas; espera ser constantemente surpreendida com ações de relacionamento. Ou seja, valoriza mais uma relação estreita que o marketing tradicional. Em linhas gerais, a principal queixa se refere ao atendimento ao cliente.

Nesse Dia Mundial do Consumidor – instituído em 15 de março de 1962 pelo então presidente John F. Kennedy –, creio que seja pertinente refletir sobre o atendimento ao cliente prestado no Brasil. Muito tem se falado sobre a ascensão das classes C, D e E ao consumo e sobre as demandas causadas por essa inclusão. Os PROCONs de todo o país estão lotados com reclamações que poderiam ser evitadas com informação e respeito. Em contrapartida, pouco se sabe sobre as reclamações da alta renda. Embora não costume se dirigir aos órgãos de Defesa do Consumidor, o cliente da classe A se queixa do atendimento; da falta de conhecimento sobre as reais demandas.

Gestores que atuam no mercado de luxo no Brasil investem no que classificam como “ações para encantar o cliente”, quando deveriam investir em “ações para conhecer melhor o cliente”. Por uma série de características socioculturais, a alta renda demanda ações multiface de relacionamento – em contraposição a ações de marketing. Entre as informações básicas, que devem permear o atendimento a esse cliente, destaco que lazer e trabalho caminham juntos no cotidiano da classe A; o luxo tem uma conotação ligada ao lifestyle das marcas, não ao custo.

Exclusividade continua atraindo o público classe A; uma exclusividade ligada à maneira de ser atendido, de ser mimado. É nessa seara que entra a necessidade de investir na capacitação da equipe de vendas; investimento que transforme o vendedor/balconista em um consultor de consumo.

Diante do desafio de atender às expectativas da alta renda, os gestores das marcas não podem perder de vista que a humanização do atendimento é determinante para todos os consumidores. Com a experiência que conquistei ao longo de 20 anos de pesquisa com a metodologia “cliente secreto”, sinto-me à vontade para afirmar categoricamente que o melhor caminho para “encantar consumidores” passa pelo respeito ao ser humano de todas as classes sociais – condição que antecede o fato de sermos consumidores. Vale lembrar que todos nós valorizamos um atendimento transparente e ético.

Palestra: Apuração de fraudes contábeis e tributárias

05/04/2011 às 17:04 | Publicado em Cursos, Palestras | Deixe um comentário

Palestra: Apuração de fraudes contábeis e tributárias

Detecção e apuração de fraudes fiscais e mitigação de riscos: elisão e evasão fiscal; lucro real X lucro presumido; movimentação financeira X renda declarada; paraísos fiscais; estratégias tributárias na combinação de negócios; dedutibilidade do ágio na incorporação reversa; laranjas; rodízio de empresas; fraudes em licitações; fraudes orçamentárias.

José Carlos Oliveira de Carvalho

Consultor, perito, autor de livros nas áreas de Orçamento, Auditoria e Fraudes e Professor da FGV, IBMEC, PUC. Já trabalhou como Auditor-Geral do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro e como Auditor-fiscal.

DLC12 apoia Rosane para Presidente Internacional

05/04/2011 às 11:49 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

DLC12 apoia Rosane para Presidente Internacional

Mais informações e fotos sobre a Moção e a Convenção: clzedopedal

Foto: CLEO Eder Lima, PID CaL Rosane Vailatti, CL Hamilton Siqueira e PDG CL Josué Abreu

O distrito DLC12 realizou, com sucesso, nos dias 1, 2 e 3 de abril, na cidade de Ipatinga, MG, sua7a. convenção. A Convenção da Liderança.

A PID, Rosane Jahnke Vailatti deu um brilho especial ao evento atuando como Oradora Oficial.

Seguindo o que já vem acontecendo em praticamente quase todos os Distritos do Brasil e da América Latina, o Distrito colocou a seguinte “Moção de Apoio” à candidatura de Rosane (que teve até faixas de apoio de clube do maior Distrito Lions do Brasil) a 2ª. Vice-Presidente do Lions Clube Internacional. A moção foi votada, e aclamada por unanimidade, ficando todos os convencionais de pé, aplaudindo a indicação.

Emocionada pela receptividade e pelo carinho recebido na cidade mineira, a PID emocionada relatou como foi o início da sua cruzada: “Na 6ª Jornada dos Presidentes dos Conselhos de Governadores do Brasil em Porto Alegre, no último dia 12 de março, os Presidentes de Conselho presentes do DMLA, DMLB, DMLD, para surpresa minha, lançaram nossa pré-candidatura a 2ª Vice-Presidente Internacional, que foi aprovada por unanimidade.

Após aquele memorável dia, fico, a cada momento, extremamente lisonjeada com tanta mostra de carinho e apoio. Minha caminhada apenas é possível porque vocês caminham comigo me mostrando a senda certa. Temos um grande desafio pela frente. O de continuar a criar um mundo mais justo e mais humano e nós somos este grande diferencial. Em todo o mundo, pessoas de todas as raças e credos esperam nossos gestos de solidariedade e não vamos parar. Melvin Jones nos deixou um legado de SERVIR. E é este legado que nos ensina que estamos no caminho certo. Com convicção quero dizer a minha familia leonística e leoística que estou no LIONS para servir,minha vida é dedicada ao serviço voluntário: na Rede Feminina de Combate ao Câncer, na luta pelos direitos das pessoas com deficiência na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, na luta pelo escotismo… Este trabalho não é de hoje, não é por acaso, representam muitos e muitos anos.
Porém, desafios fazem parte de nossa vida, e considero este desafio que neste momento se apresenta como mais uma grande Missão, que estou assumindo agora, com o leonismo do Brasil, com o leonismo da Área 3, com o leonismo do mundo, da Associação Internacional de Lions Clubes, com o SERVIR. O resultado desta nova missão não é nosso, é da família leonística e leoística. Queremos ser o instrumento de união, de motivação, de inovação, de servir, através do nosso trabalho, esforço, dedicação e amor a causa. Unidos venceremos os desafios!”.

Garra, trabalho, ousadia e carisma são marcas registradas daquela que pode se tornar a PRIMEIRA MULHER PRESIDENTE NA HISTORIA DO LIONS INTERNACIONAL.

Convide seu Clube e seu Distrito para também serem parte desta História.

Conheça mais sobre a PID ROsane Jahnke Vailatti
www.rosanelions.com.br
www.twitter.com/rosanevailatti
www.facebook.com/rosanevailatti
www.rosaneamigosparasempre.blogspot.com

MOÇÃO CD 001/2010-2011

EMENTA – Propõe apoio formal à Pré-Candidatura da PID Rosane Teresinha Jahnke Vailatti à 2ª Vice-Presidência de Lions Clubes Internacional e dá outras providências.

O Governador do Distrito LC12, CL Fernando Barcelos Silva, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais,

considerando o pré-lançamento da candidatura da PID Rosane Teresinha Jahnke Vailatti ao cargo de 2ª Vice-Presidente de Lions Clubes Internacional pelos Presidentes dos Distritos Múltiplos LA, LB e LD, cuja notícia ecoou de bom grado e com grande entusiasmo na comunidade leonística brasileira e, sem dúvida, na 3ª Área Constitucional;

considerando a relevância de sua prestação de serviço humanitário já devidamente comprovada pelo leonismo internacional e, de modo especial, pelo brasileiro, partindo-se de sua comunidade local, Santa Catarina, como exemplo de humildade e dedicação extremosa à causa daqueles que necessitam de educação especial, dentre outros serviços;

considerando sua projeção na Diretoria Internacional com incontáveis manifestações de apoio e aplausos por suas interferências marcantes junto a seus pares, elevando, sobremaneira, o conceito positivo do leonismo brasileiro e da III Área Constitucional que representou;

considerando que o Brasil, por sua força leonística, já está a merecer a terceira presidência internacional de Lions Clubes, com o mesmo brilhantismo e tenacidade dos dois outros incontestes líderes brasileiros de reconhecimento internacional;

considerando que a PID Rosane Teresinha Jahnke Vailatti tem demonstrado em toda sua vida leonística amor, garra e desprendimento ao movimento cuja missão é servir e tem dado demonstração inequívoca de boa administradora na vida privada e na pública como Secretária de Estado;

CONSIDERANDO, finalmente, o crescimento da mulher no leonismo, bem como nos demais segmentos sociais e comunitários, de incensurável desempenho,

PROPÕE

a presente MOÇÃO DE APOIO à pré-candidatura da PID Rosane Teresinha Jahnke Vailatti como 2ª Vice-Presidente da Associação Internacional de Lions Clubes, tão logo lhe seja possível pelo Estatuto e Regulamentos de Lions Clube Internacional.

Propõe, também, que esta Moção seja levada ao IV Conselho Distrital a ser realizado no dia 1º de abril, na cidade de Ipatinga – MG, para sua apreciação, votação e encaminhamento à VII Convenção Distrital, Convenção da Liderança, a ser realizada na mesma cidade nos dias 1º, 2 e 3 de abril próximo vindouro, para manifestações de seus convencionais e aprovação por seus delegados.

Ainda, aprovada a presente Moção, dê-se ciência à agraciada, PID Rosane Teresinha Jahnke Vailatti, com cópia do inteiro teor deste documento.

Registre-se e publique-se.

João Monlevade, 22 de março de 2011.

GD Fernando Barcelos Silva – Governador

PDG Josué Silva Abreu – Secretário

CaL Lêda da Conceição Teixeira – Tesoureira

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: